29/05/2024 às 18h12min - Atualizada em 01/06/2024 às 00h00min

Locadoras do Mato Grosso compraram mais de 2,7 mil veículos em 2023

Mais recente censo do setor de aluguel de veículos mostra que, juntas, as 550 locadoras de automóveis do estado já têm 8.287 carros

Agência Em Foco
Pixabay

A Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis (ABLA) lançou o Anuário Brasileiro de Locação de Veículos na abertura da FIT Pantanal 2024. A publicação traz as mais recentes estatísticas referentes ao aluguel de carros no Mato Grosso e no Brasil.

Conforme a entidade setorial, há 550 empresas de locação de automóveis ativas no Mato Grosso. Juntas, essas locadoras emplacaram, no decorrer do ano passado, exatos 2.746 automóveis e comerciais leves. A frota total do setor, que soma as unidades compradas em 2023 com veículos seminovos já disponíveis, chegou em 8.287 no Mato Grosso, um crescimento de 9,5% em relação à frota total das locadoras no ano anterior (7.564 carros).

Em relação aos postos de trabalho gerados e mantidos pelo setor, a ABLA apurou que as 550 locadoras ativas no Mato Grosso são responsáveis pela manutenção de 1.408 empregos diretos, um aumento de 8,8% em relação ao total verificado ao final de 2022.

No Mato Grosso, o ranking das montadoras que mais tem veículos nas empresas de locação traz a Volkswagen no topo da participação na frota total, com 22%, seguida pela Fiat (20,7%) e General Motors (19,5%).

Especificamente sobre os carros comprados durante o ano de 2023, quem mais vendeu para as locadoras no Mato Grosso foi a Fiat, com 24,6%, seguida de perto pela Mitsubishi, com 24,1% do total de veículos vendidos para o setor no estado.

Brasil

Em abrangência nacional, o faturamento bruto do setor cresceu 22% no Brasil, saltando de R$ 36,8 bilhões em 2022 para R$ 44,9 bilhões no ano. Em paralelo, o montante recolhido em impostos diretos sobre a locação dos veículos aumentou em expressivos 21,3%, com R$ 5,7 bilhões pagos pelas empresas do setor em PIS, COFINS, CSSL e IR em 2023. O investimento das locadoras para a compra de automóveis chegou a R$ 65,99 bilhões, com R$ 19,1 bilhões pagos em IPI e ICMS. 

Eletrificados

No Brasil, as locadoras terminaram 2023 com uma frota de 8.426 automóveis e comerciais leves eletrificados, crescimento de 81,6% na comparação com 2022. No ano passado, as empresas de locação emplacaram 3.787 unidades eletrificadas (crescimento de 36,1% em relação aos emplacamentos de 2022), o equivalente a 19,6% de todos os automóveis e comerciais leves eletrificados emplacados no país em 2023.


Notícia distribuída pela saladanoticia.com.br. A Plataforma e Veículo não são responsáveis pelo conteúdo publicado, estes são assumidos pelo Autor(a):
CAROLINA DUARTE MAIA SIMOES
[email protected]


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://gazetadepinheiros.com.br/.